Início > CURIOSIDADES > Cosmecêuticos!

Cosmecêuticos!

Olá pessoal! Como vão??

Hoje vou falar sobre mais um tema que já vieram me perguntar e achei interessante colocar aqui, pois está cada vez mais em evidência no mercado dermatológico e as pessoas não estão sendo corretamente orientadas: os cosmecêuticos. Já ouviu falar?!

Para começar a explicar é melhor falarmos a diferença dos cosmecêuticos, cosméticos e medicamentos para a pele. Os cosméticos são produtos que não modificam as condições fisiológicas da pele, agem na epiderme(camada superficial da pele), não precisam de estudos cientificos para sua comprovação e eficácia e logo são comercializados, exemplo os hidratantes.

Os cosmecêuticos são definidos pelos produtores de cosméticos como produtos que agem na derme (camada profunda da pele), esse termo cosmecêutico é muito útil no sentido de alterar funções da pele, causando benefícios, sem as desvantagens que as drogas carregam, exemplo os acidos alfa-hidroxiácidos , vitamina A ( retinol), vitamina E, vitamina C,etc.

Medicamentos são substâncias que modificam a fisiologia da pele, devem ter estudos que comprovem seu efeito terapêutico, sua segurança e eficácia ao serem submetidas à aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária ( ANVISA) no Brasil e nos Estados Unidos pela Food and Drugs Administration (FDA) como exemplo o ácido retinoico e devem ser receitados pelos médicos.

Lembrando que: entre os países,  eles podem ser considerados diferentes , como exemplo, o filtro solar na Europa e no Brasil é tido como cosmético , já nos Estados Unidos  como medicamento.

No mercado farmacêutico de produtos para cuidados pessoais, a palavra cosmecêutico pode significar dermocosmético, cosmético funcional, cosmético de desempenho ou, ainda, neurocosmético. Esses termos causam controvérsia e confundem os consumidores. Então, em linhas gerais, cosmecêutico pode ser definido como um produto que combina os benefícios de um cosmético com um produto farmacêutico.

A introdução dos cosmecêuticos na produção de cosméticos apressou as pesquisas, contribuindo para melhorar o conhecimento sobre cosmetologia. Porém, esse nome já caiu no mundo encantado dos marqueteiros. Muitas empresas de cosméticos, especialmente as que vendem produtos endossados por dermatologistas, escrevem o termo cosmecêutico no rótulo. O testemunho de um médico cria nas pessoas a sensação de que o cosmecêutico é um produto mais eficaz que os cosméticos comuns.

Órgãos fiscalizadores de saúde exercem pouco controle sobre os cosmecêuticos. Qualquer fabricante pode colar uma etiqueta com esse dizer e promover seus produtos como sendo medicinais. Então, não se engane com qualquer coisa que lê por aí nos produtos, pesquise sobre eles!

Resumindo, os cosmecêuticos não são inofensivos como um cosmético, mas também não são medicamentos.

Por hoje é só gente!! Uma ótima semana para todos!

Comentem!!!

Abraços

Thais Nobile

Anúncios
  1. Henrique
    28/09/2010 às 12:35

    Noossaa…que nome feio, cosmecêutico? Não é medicamento nem cosmético. Que medo, não uso, não.

  2. Marcella Sneider
    27/09/2010 às 15:09

    que chique esse blog! adorei. ótimo pra leigos, como eu, haha!

    beijos lindona

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: