Início > ATUALIDADES > Lula veta projeto que incluía cinco vacinas no calendário da rede pública.

Lula veta projeto que incluía cinco vacinas no calendário da rede pública.

Este blog não foi feito para seguir uma linha política nem nada do assunto, mas qdo li esta reportagem na internet, senti que precisava colocar aqui. QUAL SUA OPINIÃO SOBRE ISSO???? comente.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vetou o projeto de lei que incluía outras cinco vacinas no calendário da rede pública de saúde. A decisão foi publicada nesta sexta-feira (10) no “Diário Oficial da União”. O projeto havia sido aprovado pelo Senado no dia 17 de novembro e previa a inclusão das vacinas contra hepatite A, meningocócica conjugada C, pneumocócica conjugada 7 valente, varicela e pneumococo.

De acordo com o governo, das cinco vacinas descritas no projeto de lei, três já estão contempladas no calendário de vacinação. Segundo o Planalto, a inclusão de novas vacinas poderia tornar “mais burocrática e demorada a adoção de novas tecnologias na área de prevenção de doenças, na qual o Brasil é mundialmente reconhecido”.

“O Brasil é o país que oferece gratuitamente o maior número de vacinas aos grupos populacionais alvo, estando disponíveis, atualmente, quarenta e três imunobiológicos. Tanto é assim, que das cinco vacinas descritas no projeto de lei, três já estão contempladas no calendário de vacinação. A pneumocócica conjugada sete valente já foi, inclusive, superada pela disponibilização de uma dez valente, que confere maior proteção”, diz parte do texto publicado no “Diário Oficial da União”.

O calendário de vacinação brasileiro é definido pelo Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde. O programa é constituído por 12 vacinas, aplicadas desde o nascimento até a terceira idade e distribuídos gratuitamente nos postos de vacinação da rede pública.

Anúncios
  1. Elton Caçador
    14/12/2010 às 16:01

    Fazer uma lei simplesmente por fazer, melhor não tê-la. Mas realmente pra que colocar uma vacina sete valente se já temos uma dez valente no calendário e na clínica particular temos a treze valente. Não temos apenas que “torcer o nariz” para um veto, temos que entendê-lo e depois sim criticá-lo.
    E uma coisa, antes que alguém fale, não sou PT e não depois defendendo ninguém, apenas digo que temos que refletir melhor antes de criticarmos algo

  2. Emerson
    11/12/2010 às 6:47

    Parabéns àqueles que votaram nelle. Parabéns àqueles que votaram nella.
    Passada a eleição, veto às vacinas, aumento da cesta básica, aumento dos juros ao financiamento, aumento do etanol nos postos, anistia ao Cesare Battisti, loteamento dos cargos de Ministro e, principalmente, a volta da CPMF para financiar….A SAÚDE!!! Isso mesmo!!! Ele já encontrou uma boa razão!!! Se não aprovarem a CPMF, não tem vacina!!! Aí o povão aceita e dááááá risada….
    “Não….porque agora a CPMF vai ter um destino certo….antes as ELITE só roubavam….”

    Nada de anormal. Em um país onde 80% aprovam o cachaceiro, 64% acreditam que a corrupção aumentou no país e apenas 4% dizem ter praticado suborno (http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/internacional/2010/12/09/para-64-dos-brasileiros-corrupcao-aumentou-no-pais-apenas-4-dizem-ter-praticado-suborno.jhtm), nada mais justo. Afinal, cada um tem o que merece…

    Felizmente, como trabalho a muito tempo (logo, não sou filiado a nenhum partido), poderei pagar as vacinas para meu filho. E aqueles que não podem? O Mulla não se diz defensores dos pobres?

    Enfim, está mostrando sua verdadeira face.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: