Arquivo

Posts Tagged ‘sintomas’

Conjuntivite

Olá Pessoal!! Mais um final de semana chegou!!!

Neste post vou falar sobre conjuntivite, só essa semana, 2 pessoas da indústria que eu trabalho pegaram, sem contar as outras que ja pegaram antes. Esta época do ano é perfeita para o vírus e sua propagação. Para não pegar é muito simples! Entao acompanhem a reportagem que peguei do site do UOL.

 

 

Até o dia 20 de março, a capital paulista registrou mais de 71 mil casos de conjuntivite viral. Algumas cidades do litoral e do oeste do Estado de São Paulo também enfrentam surto da doença desde o Carnaval, por isso é bom redobrar os cuidados com higiene para evitar acordar de manhã com os olhos grudados.

A conjuntivite é a inflamação da conjuntiva, membrana que recobre o olho e a superfície interna das pálpebras. Na maioria dos casos, a doença é causada por bactérias ou, como ocorre agora em SP, por vírus. Mas também é comum haver inflamação devido a exposição dos olhos a agentes irritantes ou produtos que causam alergia. Apenas nos casos de vírus e bactérias é que a doença é contagiosa.

“A conjuntivite é transmitida com muita facilidade, por isso é importante lavar bastante as mãos e evitar compartilhar toalhas, fronhas e outros artigos de uso pessoal”, recomenda o oftalmologista Claudio Luiz Lottenberg, presidente do Hospital Israelita Albert Einstein.

Ele sugere que também é melhor passar por mal-educado e evitar beijar alguém que está com conjuntivite do que se arriscar a contrair a doença.

Outro conselho do oftalmologista é evitar a automedicação. “Os colírios possuem princípios ativos diferentes e alguns deles podem ter efeitos colaterais, por isso só podem ser prescritos por um médico”, alerta.

Sintomas

Os principais sintomas da conjuntivite são sensação de areia nos olhos, vermelhidão, inchaço e secreção. Quando a visão fica embaçada, é sinal de que a inflamação alcançou a córnea, o que não é tão comum, mas pode ser perigoso.

Lavar bem os olhos e aplicar compressas geladas são medidas que ajudam a amenizar os sintomas.

Usar óculos ajuda a esconder o aspecto ruim que a doença provoca, mas não evita a transmissão do vírus.

De acordo com o especialista, a doença na maioria das vezes é autolimitada, ou seja, passa sozinha após uma ou duas semanas, mas os colírios prescritos pelo médico ajudam a lubrificar os olhos e aliviar os sintomas. Nos casos de conjuntivite bacteriana, pode ser necessário o uso de antibiótico.

Anúncios

É resfriado ou gripe??

Olá Pessoal!! Como vão???

Todo farmacêutico já foi questionado por alguém com febre, dor de garganta, coriza, passando mal; sobre qual remédio poderia tomar para melhorar sem nem saber se está com um resfriado ou uma gripe. Ter ciência desta informação fará toda a diferença no tratamento e recuperação do paciente.

Lembrando que o profissional farmacêutico não pode receitar nada, apenas indicar ou aconselhar.

Vamos entao falar sobre as diferenças de cada um:

Resfriado

É uma infecção leve das vias aéreas superiores atingindo principalmente nariz e garganta, geralmente não apresenta febre. A infecção pode ser facilitada por fadiga excessiva, distúrbios emocionais e alérgicos.
Não existe remédio para curá-lo mas podem amenizar os sintomas. O que já alivia muito. Se não houver complicação, tende a passar sozinho em 3 a 5 dias.

Sintomas: coriza, espirros, febre baixa.

Dicas de prevenção: evitar o frio e as bebidas geladas, não permanecer em ambientes fechados, não compartilhar copos e talheres.

Tratamento: repouso, líquido e boa alimentação. Se necessário podem ser administrados analgésicos e anti-térmicos mas só depois de consultar seu médico.

Gripe

É uma doença muito contagiosa que ataca as vias respiratórias – nariz, garganta e pulmões. É causada por um vírus chamado Influenza. Não existe remédio para curá-la, mas sim para aliviar seus sintomas que são mais severos, se não houver complicações pode passar sozinha.

Sintomas: febre alta, dores musculares e nas articulações, dor de cabeça, inflamação dos olhos.

Dicas de prevenção: A melhor prevenção contra a gripe é tomar a vacina todos os anos, pois o vírus é mutante, aparecendo de forma diferente a cada ano.
Também é possível preveni-la melhorando as defesas do corpo através do calor e da boa alimentação. Por ser uma doença muito contagiosa, deve-se evitar a permanência em ambientes fechados e aglomerações.

A gripe pode ser grave, principalmente para as pessoas idosas ou debilitadas por doenças crônicas como diabetes, hipertensão, insuficiência cardíaca, bronquite e enfisema pulmonar, principalmente.
Pode evoluir para pneumonia e meningite o que em algumas situações leva o paciente à morte.

Tratamento: Deve ser prescrito por um médico, inclui repouso e boa alimentação.
Remédios para aliviar os sintomas como: analgésicos, anti-térmicos e descongestionantes podem ajudar.


Então gente, resumindo: O resfriado é menos severo do que a gripe e é causado por uma infecção virótica, já a gripe é causada por um vírus específico e deve-se ter mais cuidados com ela. Em ambos os casos os medicamentos servem para aliviar sintomas e não para curar, isso o seu organismo fará.